recordando a MPB

História da MPB com biografias, cronologia dos sucessos e músicas cifradas.

  • Postagens

    agosto 2007
    S T Q Q S S D
    « jul   set »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    2728293031  
  • Categorias

  • Arquivos

  • Cifrantiga Fotos

Fita amarela

Posted by everbc em 13/08/2007

Noel Rosa compôs “Fita Amarela” a partir de uma batucada, conhecida nas rodas de samba, atribuída a Mano Edgar (Edgar Marcelino dos Passos), um bamba do Estácio. A batucada era assim: “Quando eu morrer / não quero choro nem nada / eu quero ouvir um samba / ao romper da madrugada”.
Na mesma época (fins de 1932), Donga e Aldo Taranto usavam o tema para compor o samba “Quando Você Morrer”, gravado por Carmen Miranda. A diferença era que enquanto Noel aproveitava apenas a idéia, Donga e Taranto copiavam também a melodia, segundo Almirante, que registrou o fato em sua coluna “Cantinho das Canções” (O Dia, 11.02.73).

O curioso é que, com o sucesso de “Fita Amarela”, Donga protestou nos jornais, acusando Noel de plagiar seu samba. Já Mano Edgar não tinha como se manifestar. Havia sido assassinado num jogo de ronda em 24.12.31. De qualquer maneira, “Fita Amarela” é um ótimo samba em que ressalta mais uma vez o lado espirituoso de Noel. Marca ainda, juntamente com “Até amanhã“, sua presença no carnaval de 33, ano pródigo em que teve mais de trinta composições gravadas.

Fita Amarela (samba) – 1933 – Noel Rosa clique para ouvir amostra da música

Tom: Am

Am C/G D0
Quando eu morrer/ Não quero choro nem vela
E7 Am E7
Quero uma fita amarela/ Gravada com o nome dela
- BIS

Am A7 Dm
Se existe alma/ Se há outra encarnação
Am B7 E7 Am
Eu queria que a mulata sapateasse no meu caixão
- REFRÃO

Am A7 Dm
Não quero flores / Nem coroa com espinho
Am B7 E7 Am
Só quero choro de flauta, violão e cavaquinho
- REFRÃO

Am A7 Dm
Estou contente/ Consolado por saber
Am B7 E7 Am
Que as morenas tão formosas a terra um dia vai comer
-REFRÃO

Am A7 Dm
Não tenho herdeiros / Não possuo um só vintém
Am B7 E7 Am
Eu vivi devendo a todos mas não paguei ninguém
- REFRÃO

Am A7 Dm
Meus inimigos / Que hoje falam mal de mim
Am B7 E7 Am
Vão dizer que nunca viram uma pessoa tão boa assim
- REFRÃO
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: