recordando a MPB

História da MPB com biografias, cronologia dos sucessos e músicas cifradas.

  • Postagens

    julho 2017
    S T Q Q S S D
    « maio    
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31  
  • Categorias

  • Arquivos

  • Cifrantiga Fotos

Archive for the ‘italianas’ Category

Sergio Endrigo

Posted by everbc em 13/12/2007

Sergio Endrigo

Sergio Endrigo, cantor e compositor italiano responsável por hits de grande sucesso como Io che amo solo te, tendo sido gravado por intépretes do mundo inteiro. O músico ganhou popularidade nos anos 60 na América Latina por ter suas composições gravadas por Roberto Carlos, como Canzone per te, que venceu o Festival de San Remo, em 1968.

Endrigo nasceu no dia 15 de junho de 1933 na cidade de Pola, uma vila croata que fazia parte da Itália. Filho de um cantor de ópera de algum destaque, ele perdeu o pai muito cedo, sua mãe trabalhava numa fábrica de cadeados. Sua cidade, em 1947, passou a ser considerada território iugoslavo e Endrigo refugiou-se com a família em Brindisi. Expulso da escola por mau comportamento, tornou-se um errante: foi lanterninha de cinema, office-boy, agente do censo, mascate, carregador de malas em hotel.

Em 1954, participou de um concurso de calouros no Teatro Malibran e foi contratado como cantor lírico no Lido, em Veneza. A partir daí, consolidou seu estilo romântico. Participou do Festival de San Remo em 1966 com a canção Adesso sí e em 1967 com Dove credi di andare. Mas, somente em 1968 venceu o Festival de San Remo com Canzone per te, uma composição sua e de Sergio Bardotti que teve Roberto Carlos como intérprete.

Foi uma espécie de pioneiro ao aproximar a música italiana da brasileira. Nos anos 70, ele fez parcerias com nomes da MPB. Era verdadeiramente apaixonado pelo Rio de Janeiro onde, além de se maravilhar com as belezas naturais, conheceu a alma da cidade, tendo como companheiros Vinícius de Moraes, Toquinho e Chico Buarque. O amor de Endrigo pelo Rio era tão transparente que Toquinho e Vinícius fizeram para ele o Samba pra Endrigo. Além de Roberto Carlos, Endrigo gravou com Chico Buarque A Rosa.

Na década de 70, compôs, em parceria com Vinícius de Moraes, canções para crianças, como La Casa e El Pappagallo” e em 1979, lançou um disco em português com músicas de Chico Buarque, Toquinho e Vinícius. Faleceu aos 72 anos, em 8 de setembro de 2005.

Fonte: http://br.geocities.com/astrosestrelas/index.html

Posted in internacional, italianas | Etiquetado: | Leave a Comment »

Domenico Modugno

Posted by everbc em 26/06/2007

Domenico Modugno

Domenico Modugno nasceu em “Polignano a Maré” em Bari, em 09 de janeiro de 1928. Em 1953 começou a demonstrar seu talento com sua grande capacidade de interpretação. Nesse mesmo ano, Modugno se apresentou nos estúdios radiofônicos “Via Asiago”, cantando em siciliano.
Em 1958 venceu o famoso Festival de San Remo com a canção Nel blu dipinto di blu, conhecida vulgarmente como “Volare”. Esta canção tornou-se um marco da música italiana da época, sendo conhecida em todo o mundo. Neste mesmo ano, Modugno venceu três prêmios “Grammys”, com a canção do ano, melhor interpretação masculina e melhor disco. Com todas essas vitórias, Domenico tornou-se o protagonista mundial dos espetáculos teatrais, filmes e programas de televisão.
Em 1959 venceu o Festival de San Remo com Piove – Ciao Ciao Bambina. Pela terceira vez, em 1962 ganhou em San Remo com a música Addio Addio. Em 1966, novamente recebe o primeiro lugar no Festival, juntamente com Gigliola Cinquetti, com Dio como ti amo.
Nos anos 80 por problemas de saúde, Domenico Modugno abandonou a carreira artística. Na metade da década de 80, Modugno entra para a política tornando-se o Presidente do Partido Radical Italiano.
Veja também:
fonte: Bella Itália – http://www.italianoar.com/

Posted in internacional, italianas | Etiquetado: | Leave a Comment »

Músicas estrangeiras

Posted by everbc em 26/06/2007

Miscelânea de canções de outros países, muitas com letras e títulos em português:

Canções hispânicas:
Canções italianas:
Canções francesas:
Alguns tangos:
E o meu acervo de boleros “inolvidables”. Alguns boleros (poucos) são do Brasil :
Alguns compositores e cantores estrangeiros já publicados:

Posted in bolero, internacional, italianas, latinas | Etiquetado: | Leave a Comment »