recordando a MPB

História da MPB com biografias, cronologia dos sucessos e músicas cifradas.

  • Postagens

    agosto 2019
    S T Q Q S S D
    « maio    
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    262728293031  
  • Categorias

  • Arquivos

  • Twitter

Posts Tagged ‘gilberto gil’

Doces Bárbaros

Posted by everbc em 28/12/2007

Doces Bárbaros

Doces BárbarosCaetano Veloso nasceu em Santo Amaro, Bahia, em 7 de agosto de 1942 e, ainda pequeno, mudou-se para Salvador e por ali ficou até ingressar na Universidade para concluir os estudos de Arte. Seu primeiro album, entitulado Caetano Veloso, teve um grande repercussão fora do Brasil e em 1968 conseguiu vários prêmios internacionais.

Em 1969 junto com seu amigo Gilberto Gil gravou um disco o qual recebeu o título de Barra 69. Os dois cantores tiveram que se exilar em Londres por causa da ditadura militar no Brasil e partiram para Londres na Inglaterra onde foram influenciados pelos rítmos que soavam pela Europa.

Dessa experiência, novos discos foram lançados com a colaboraçao de vários amigos como Chico Buarque, Gal Costa e sua irmã Maria Bethânia. Com estas duas cantoras e contando ainda com a participação de Gilberto Gil, – expoentes máximos do Tropicalismo (Movimento cultural do fim da década de 60 que, usando deboche, irreverência e improvisação, revoluciona a música popular brasileira) Caetano e os demais resolveram formar o grupo Doces Bárbaros em 1976, no Anhembi (São Paulo).

A turnê do espetáculo durou menos de um mês, já que Gil e o baterista Chiquinho Azevedo foram presos por porte de maconha, em Florianópolis. Pouco depois, o show foi retomado e bateu o recorde de bilheteria do Canecão (RJ), onde permaneceu por dois meses.

Em seguida, foi lançado o álbum Doces Bárbaros Ao Vivo, fortemente influenciado pela contemporânea fusão do jazz-funk, com um toque brasileiro. As letras, poéticas e cheia de paixão são um verdadeiro documento de uma era, escritas com maestria numa atmosfera pesada marcada pela ditadura militar.

Posted in grupo, tropicalismo | Etiquetado: , , , , | Leave a Comment »

Gilberto Gil

Posted by everbc em 26/06/2007

Gilberto Gil

Junto com Caetano Veloso, o cantor e compositor Gilberto Gil liderou o movimento tropicalista da década de 60 e tomou-se um dos principais compositores da história da música popular brasileira. Gilberto Passos Gil Moreira nasceu em Salvador (BA), em 29 de junho de 1942 e passou a infância na cidade de Ituaçu, no interior do estado. Em 1960 ingressou na Universidade Federal da Bahia para cursar administração de empresas.
Sua primeira música, Felicidade vem depois, samba bossa nova inspirado no estilo de João Gilberto, foi composta em 1963. Nessa época, conheceu Caetano Veloso, Maria Bethânia, Gal Costa e Tom Zé, com quem montou o musical Nós, por exemplo em junho de 1964.
Já radicado em São Paulo SP, lançou Procissão (1965), Roda (1965) e Louvação (1966), música que deu nome a seu primeiro disco. Em outubro de 1967 do III Festival da Música Popular Brasileira com as canções Bom dia, composta em parceria com Nana Caymmi e interpretada por ela, e Domingo no parque, interpretada por ele mesmo com participação dos Mutantes. Essa última canção, junto com Alegria, alegria (1967), de Caetano Veloso, inaugurou o tropicalismo na música popular brasileira. Em 1968, Gil e Caetano gravaram o famoso disco Tropicália. Perseguido pela ditadura militar, Gilberto Gil mudou-se para Londres em 1969 e, como despedida, compôs Aquele abraço.
De volta ao país em fevereiro de 1972, lançou o disco Expresso 2222. Quatro anos depois, gravou Doces bárbaros com Caetano Veloso, Maria Bethânia e Gal Costa. Entre suas músicas mais famosas estão Refazenda (1975), Realce (1979) e Super-homem, a canção (1979). Em 1988, Gil ingressou na política e foi eleito vereador de Salvador pelo Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB). Ao final do mandato, desistiu de disputar nova eleição. Em 1993 lançou Tropicália 2, em parceria com Caetano Veloso.
Algumas músicas
Veja também:

Posted in Sem categoria | Etiquetado: , | Leave a Comment »